Especialistas em investigação jurídica - Juristas

É jurista e tem uma formação sólida em direito cipriota, grego, húngaro, italiano, letão ou polaco? Talvez seja a pessoa que o Tribunal de Justiça da União Europeia procura para trabalhar na sua Direção de Investigação e Documentação.

O Tribunal de Justiça da União Europeia interpreta o direito europeu a fim de garantir que é aplicado da mesma forma em todos os países da UE. Além disso, resolve litígios entre os governos nacionais e as instituições europeias. Em determinadas circunstâncias, os cidadãos e as organizações também podem recorrer ao Tribunal de Justiça se considerarem que uma instituição europeia não respeitou os seus direitos.

Enquanto especialista em investigação jurídica, prestará assistência ao Tribunal de Justiça e ao Tribunal Geral no exercício das suas funções jurisdicionais e contribuirá para a divulgação da jurisprudência da UE. Terá de proceder a análises da jurisprudência dos tribunais e fazer uma análise preliminar de novos processos. Também fará investigação relativa ao direito europeu e nacional, assim como no domínio do direito comparado. Se tiver experiência suficiente como jurista, também poderá dirigir projetos em domínios específicos e conceber e aperfeiçoar ferramentas de investigação jurídica e de divulgação de legislação europeia e nacional.

O respeito pela diversidade cultural e a promoção da igualdade de oportunidades são princípios fundadores da UE, pelo que o Serviço Europeu de Seleção do Pessoal procura tratar todos os candidatos da mesma forma e se esforça por lhes garantir as mesmas oportunidades e condições de acesso. Para mais informações, consulte a página sobre a nossa política de igualdade de oportunidades, nomeadamente sobre como solicitar adaptações especiais para as provas de seleção.

Não perca esta oportunidade! O prazo para a apresentação de candidaturas começa a 7 de março de 2019.

 

Será que tem o perfil adequado?

É indispensável ser cidadão da UE e ter um conhecimento exaustivo da língua do Estado-Membro onde obteve a sua qualificação de jurista, bem como um conhecimento satisfatório da língua francesa.

Além disso, deve possuir um excelente conhecimento do direito europeu, um conhecimento exaustivo, aprofundado e atualizado do direito nacional e excelentes competências em matéria de investigação jurídica. Veja adiante os requisitos específicos.
 

 

Panorama do processo de seleção: 

Candidatura

Avaliador de talentos/Talent screener

Prova intermédia

Centro de avaliação

Lista de reserva