Trabalhar e viver no Luxemburgo

Início > Trabalhar e viver no Luxemburgo

Para além de Bruxelas e Estrasburgo, as instituições europeias também têm instalações na cidade do Luxemburgo.

Poucas pessoas sabem que o Grão-Ducado do Luxemburgo acolheu a primeira sede histórica da Comunidade Europeia do Carvão e do Aço (CECA). Atualmente, a maioria das instituições e órgãos europeus, em termos de concentração geográfica, estão implantados neste país, empregando um quarto do total dos funcionários europeus. É o caso da Comissão Europeia, do Secretariado-Geral do Parlamento Europeu, do Tribunal de Justiça da UE, do Tribunal de Contas Europeu, do Banco Europeu de Investimento, do Fundo Europeu de Investimento, da Procuradoria Europeia e do Fundo Europeu de Estabilidade Financeira. Além disso, algumas agências, como a Agência de Execução para os Consumidores, a Saúde, a Agricultura e a Alimentação e o Centro de Tradução dos Organismos da União Europeia, estão também situadas no Luxemburgo.

Nos últimos anos, o país registou um aumento significativo da população, o que se explica sobretudo pela qualidade de vida que proporciona e pelo seu desenvolvimento económico sustentado, que oferece muitas oportunidades profissionais. No contexto do acordo celebrado em 2015 entre a comissária Kristalina Georgieva e o ministro luxemburguês Jean Asselborn, foram identificados três domínios principais (digital, financeiro e jurídico) para consolidar a presença da Comissão no Luxemburgo.

Gostaria de trabalhar para as instituições europeias no Luxemburgo?