Perguntas frequentes

Home > Perguntas frequentes > EPSO tests: myths and facts > Como são avaliados os conhecimentos sobre a UE e a motivação para trabalhar nas instituições europeias?

Como são avaliados os conhecimentos sobre a UE e a motivação para trabalhar nas instituições europeias?

Categorias de perguntas: 
O empenhamento no ideal europeu continua a ser um fator determinante quando se trata de atrair e selecionar candidatos. O conhecimento dos assuntos europeus e a motivação dos candidatos para trabalhar nas instituições europeias são testados em várias fases do processo de seleção:
  • através da ferramenta de autoavaliação em linha, que os candidatos preenchem antes de apresentarem a candidatura
  • no formulário de candidatura, onde os candidatos indicam os eventuais estudos e experiência profissional relacionados com a UE e descrevem a sua motivação para trabalhar nas instituições europeias
  • durante as provas realizadas no centro de avaliação, que se baseiam em cenários de trabalho nas instituições europeias, concebidos por funcionários europeus a partir de situações da vida real, que exigem uma compreensão aprofundada das atividades e funções das instituições e da forma como colaboram entre si
  • na entrevista sobre a motivação, realizada no centro de avaliação, aos candidatos que participam num concurso para administradores, durante a qual estes têm de responder a perguntas sobre a origem do interesse em trabalhar para a UE, o conhecimento e a adesão aos valores da UE, a compreensão dos atuais e futuros desafios a que a UE tem de fazer face, as expectativas em relação a uma carreira profissional na UE e os conhecimentos sobre a UE, nomeadamente sobre as suas origens, as instituições, as principais políticas europeias, etc.

Achou a resposta útil?

Sim Não