Passar para o conteúdo principal

Tecnologias da Informação

As tecnologias da informação são fundamentais para qualquer administração pública moderna. As soluções digitais inovadoras são essenciais para as instituições da UE funcionarem devidamente e poderem cumprir a sua missão, que afeta a vida de milhões de europeus.

Os especialistas em tecnologias da informação definem e aplicam estratégias informáticas, traduzem as necessidades das empresas em soluções informáticas, resolvem incidentes e gerem sistemas informáticos, entre outras tarefas. 

Administradores no domínio das tecnologias da informação (TI)

Descrição das funções

O trabalho dos administradores no domínio das tecnologias da informação (informática) está relacionado com as tecnologias avançadas, a análise de dados, o local de trabalho digital, a burótica, a computação móvel, a segurança das tecnologias da informação e comunicação (TIC) e as infraestruturas informáticas.

As suas funções incluem, entre outras, assegurar o funcionamento dos serviços informáticos, fazer análises e prestar assessoria técnica, gerir os serviços de redes de dados, desenvolver software, aplicar procedimentos que assegurem a integridade e a segurança do sistema. 

Qualificações

Deve ter um bom conhecimento de, pelo menos, duas línguas da UE e uma licenciatura ou uma pós‑graduação no domínio das tecnologias da informação e da comunicação para ser recrutado no grau AD 5 (nível de entrada dos funcionários administradores). Se, além disso, tiver vários anos de experiência relevante, pode ser recrutado num grau superior (grau AD 7). As qualificações necessárias podem variar, pelo que deve verificar sempre quais são os requisitos específicos de cada processo de seleção.

Saiba mais sobre os processos de seleção e as diferentes categorias de pessoal.

Também pode consultar as oportunidades de emprego disponíveis ou a página com informações sobre os estágios.

Assistentes no domínio das tecnologias da informação (TI)

Descrição das funções

Os assistentes apoiam a execução de projetos informáticos, contribuindo para a conceção de soluções e a elaboração de especificações comerciais, bem como para o planeamento orçamental e dos recursos. 

As suas funções incluem, entre outras, analisar e tratar dados estatísticos e fontes de megadados, participar na conceção e aplicação de soluções de tecnologias da informação e comunicação (TIC) e contribuir para sessões de informação e apresentações.

Qualificações 

Deve possuir um bom domínio de, pelo menos, duas línguas da UE, bem como habilitações de nível pós-secundário e, pelo menos, alguns anos de experiência profissional ou, alternativamente, ter um diploma do ensino secundário e vários anos de experiência profissional. As qualificações necessárias podem variar, pelo que deve verificar sempre quais são os requisitos específicos de cada processo de seleção.

Saiba mais sobre os processos de seleção e as diferentes categorias de pessoal.

Também pode consultar as oportunidades de emprego disponíveis ou a página com informações sobre os estágios.